Site de apostas coloca Lula como favorito para vencer eleições

A preço de hoje, a vitória do petista Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é o resultado mais provável das Eleições de 2022 na avaliação de um site de apostas. Quem quiser arriscar dinheiro no turbulento cenário eleitoral brasileiro, o Sporting Bet classifica Lula com 1,85 de “odd” (nome dado ao valor das chances). Já para Jair Bolsonaro (sem partido), a odd é de 3.

No universo das apostas, quanto mais segura (e provável) uma opção, menos dinheiro ela renderá ao apostador. Na prática, seguindo esta classificação, quem apostar 1 real na vitória de Lula receberá 1,85 real de volta caso o resultado se confirme. Um triunfo de Bolsonaro pode render o triplo do valor apostado. 

O site também coloca azarões na disputa. Uma vitória de Sergio Moro renderia seis vezes o valor da aposta, enquanto Ciro Gomes pagaria 13 vezes mais. As chances do João Doria estão classificadas em 17. Ha ainda a opção de apostar em nomes que são dados como fora da disputa: Luciano Huck (41), Fernando Haddad (51) e João Amoêdo (67).

A plataforma ainda faz um alerta no mínimo suspeito aos apostadores: os jogos serão anulados se não houver eleições. Que ninguém aposte nessa opção.

Ultimas notícias

Senador Romário é submetido a cirurgia em hospital do Rio

O ex-jogador de futebol senador Romário (PL-RJ) foi submetido, nesta quinta-feira, 9, a uma cirurgia, no Rio de Janeiro. A informação foi confirmada em...

STF suspende novamente julgamento sobre terras indígenas

O Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu novamente o julgamento que analisa a validade da tese sobre o marco temporal para demarcações de terras indígenas....

Câmara aprova novo Código Eleitoral, mas exclui quarentena a juízes

O texto-base do novo código eleitoral em tramitação na Câmara dos Deputados foi aprovado nesta quinta-feira, 9, pelo plenário da Casa por ampla maioria,...

Restos mortais de vítimas do 11 de setembro são identificados após 20 anos

Por 20 anos, o consultório médico legista da cidade de Nova York conduziu discretamente a maior investigação de pessoas desaparecidas já realizada no país —...

Ter mais tempo livre não aumenta necessariamente o bem-estar

Ter muito tempo livre não é sinônimo de bem-estar. É o que dizem pesquisadores da Universidade da Pensilvânia em estudo publicado no Journal of...