Brasil pode ter a energia mais cara do mundo no fim do ano, diz instituto

Até o fim do ano o Brasil poderá ser detentor de uma triste marca: a de país com a tarifa de energia mais cara do mundo. O prognóstico é o do diretor do Instituto Ilumina, Roberto D’Araújo.

Em junho, a Agência Internacional de Energia divulgou balanço relativo às tarifas do ano passado e o Brasil figurava no segundo lugar do ranking da energia mais cara, atrás apenas da Alemanha, país que tem uma bacia hidrográfica menor que a nossa, menos sol e menos vento.

Segundo D’Araújo, a tarifa com valores exorbitantes é também uma espécie de apagão porque a população perde o acesso à energia simplesmente por não ter como pagá-la. Ainda segundo ele, culpar a falta de chuvas para as bandeiras vermelhas da Aneel seria ignorar a má gestão do sistema e da oferta de energia.

“É preciso rejeitar a confortável atribuição de culpa a São Pedro. Evidentemente, novos encargos surgiram para socorrer a oferta mal programada e encarecer o preço da energia, sinal de que o sistema mercantil não está seguindo o plano traçado”, afirmou.

spot_img

Ultimas notícias

Renan da Mata comenta sobre sua vida política no Podcast com Jair

Renan da Mata iniciou sua carreira como assessor do ex-deputado federal paranaense Hidekazu Takayama do PSC e, atualmente, tem como foco sua pré-candidatura para...

Brasil chega a 47 casos suspeitos de ‘hepatite misteriosa’ entre crianças

Os órgãos de saúde do Brasil investigam 47 casos suspeitos da chamada hepatite misteriosa. O cenário ainda é de incerteza e a comunidade científica...

Equívoco de Lula

No afã de defender seu candidato a vice, Lula cometeu um grave equívoco. O ex-presidente afirmou em alto e bom som que o ex-tucano...

Escola na Flórida sorteia fuzis, munições e pistolas entre alunos e professores

Uma semana após o tiroteio em uma escola primária no Texas, que causou a morte de 20 crianças e professores, um colégio da Flórida,...

Brasil perde 7,8 mil piscinas olímpicas de água por dia nos sistemas de distribuição

A quantidade da água tratada perdida nos sistemas de distribuição no Brasil representa um volume equivalente a 7,8 mil piscinas olímpicas desperdiçadas diariamente. O...