A nova realidade do general Pazuello: escrivaninha no anexo do Planalto

Depois de comandar o Ministério da Saúde por dez meses, o general Eduardo Pazuello terá que se acostumar a acomodações mais modestas na nova missão no governo de Jair Bolsonaro.

Nomeado como secretário de Estudos Estratégicos da SAE, o general de três estrelas do Exército — que até segunda ordem segue na ativa — vai se instalar em uma sala em um dos anexos do Palácio do Planalto, onde fica a Secretaria Especial de Assuntos Estratégicos da Presidência da República.

Quando ministro, o militar costumava frequentar o terceiro andar do prédio principal do Planalto, onde fica o gabinete de Bolsonaro. É lá também que despacha rotineiramente o chefe da SAE, o almirante Flávio Rocha, que também tem uma sala no anexo.

Artigo anteriorCopa na pandemia, sem vacina
Próximo artigoFrase do dia

Ultimas notícias

Voto impresso é “jaguatirica com cobra d’água”

“A mistura, a compatibilização do sistema de urna eletrônica que temos com o sistema de impressão de voto, poderia ser uma cruza de jaguatirica...

Grupo de senadores planeja esvaziar depoimentos de médicos pró-cloroquina

Os senadores da CPI da Pandemia que se posicionam contra o presidente Jair Bolsonaro, integrantes do grupo conhecido como G7, se articulam há alguns...

O conselheiro: por que Bolsonaro dá trânsito livre a Malafaia no Planalto

Em meio a uma rodada de insultos durante a CPI da Covid-19 no Senado, veio à baila o nome do pastor carioca Silas Malafaia,...

Datas: Carlos Langoni, Raul de Souza e Marco Maciel

A modernização do Banco Central brasileiro deve muito ao economista Carlos Langoni. Em 1979, então diretor da instituição, ele ajudou a elaborar a Selic,...

Uma ponta não fecha

Quem se debruça agora sobre a condução que Jair Bolsonaro vem dando aos desafios da pandemia conclui que o próprio presidente melhorou as condições...