Após Exército livrar Pazuello, Renan cita ‘batalha final’ contra golpistas

Relator da CPI da Pandemia, o senador Renan Calheiros usou uma analogia militar para comentar a decisão do comandante do Exército, general Paulo Sérgio, de livrar o general Eduardo Pazuello de punição pela participação de ato político com o presidente Jair Bolsonaro.

“Há diferença grande entre os movimentos sagazes da guerra: a retirada e a capitulação, que é a rendição ao inimigo. Quero crer que a decisão do comando do Exército é o movimento de retirada, de recuo, não de capitulação. Tenho certeza de que os comandantes não vão se render na guerra pela democracia. É um movimento tático para poupar forças para a batalha final contra os golpistas e inimigos da Constituição”, escreveu Calheiros no Twitter, há pouco.

A decisão de não punir o ex-ministro da Saúde por subir em um trio elétrico e fazer um breve discurso — sem máscara — após uma “motociata” em apoio a Bolsonaro foi divulgada na tarde desta quinta-feira, em nota oficial.

“Acerca da participação do General de Divisão EDUARDO PAZUELLO em evento realizado na Cidade do Rio de Janeiro, no dia 23 de maio de 2021, o Centro de Comunicação Social do Exército informa que o Comandante do Exército analisou e acolheu os argumentos apresentados por escrito e sustentados oralmente pelo referido oficial-general. Desta forma, não restou caracterizada a prática de transgressão disciplinar por parte do General PAZUELLO. Em consequência, arquivou-se o procedimento administrativo que havia sido instaurado”, diz o comunicado.

Ultimas notícias

“Dizer que é jabuti, é depreciar o trabalho”

“Essa Casa tem que aprender a separar exatamente o que é que ela chama de jabuti para que a gente não jogue terra...

Osmar Terra deve prestar depoimento na CPI da Covid nesta terça-feira

O ex-ministro da Cidadania e deputado Osmar Terra (MDB-RS) presta depoimento nesta terça-feira, 22, na CPI da Covid-19. Ele é apontado como um dos...

Barroso mostra auditoria de urnas a deputados da comissão do voto impresso

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, se reuniu nesta segunda-feira, 21, com deputados federais para apresentar o funcionamento do...

Mais candidato do que nunca, Lula avisa que rodará o país

Em live em comemoração aos 80 anos do vereador de São Paulo Eduardo Suplicy (PT), Lula mostrou que é mais candidato do que nunca...

Após novo ataque de Bolsonaro, Pacheco sai em defesa da imprensa

Depois de mais um rompante autoritário de Bolsonaro contra a imprensa, o presidente do Congresso, Rodrigo Pacheco (DEM-RO), veio à público apresentar um contraponto...