Cai a ficha do eleitor sobre Bolsonaro 

O Datafolha revelou um movimento crescente entre o eleitor brasileiro. O de que o presidente Jair Bolsonaro não era o messias da luta contra corrupção que vendia ser. Segundo nova pesquisa do instituto, a expectativa de que haverá mais corrupção no Brasil atingiu um recorde desde o início da atual gestão -, 67% dos brasileiros acreditam que haverá mais malfeitos daqui para a frente.

Em dezembro passado, 55% achavam que a corrupção iria aumentar. Ou seja, de lá para cá, em três meses, o número cresceu 12 pontos. Pior. Agora, apenas 8% dos brasileiros acreditam que a corrupção vai diminuir. É o efeito centrão no governo do atual presidente? Sim, é. A questão mais importante que está posta é esta. Mas não é só isso.

Uma leitura atenta da pesquisa mostra que as ações de Bolsonaro contra os órgãos de controle – vide o esvaziamento do ex-Coaf – começam a ser entendidas pelo chamado “brasileiro comum”. Outro fator importante é o conhecimento das suspeitas que recaem sobre seu filho Zero Um, o Senador Flávio Bolsonaro, envolvido no escândalo das rachadinhas.

A exposição da compra de uma mansão no valor de R$ 6 milhões, por exemplo, ocorreu neste período recente. Por mais que não esteja ligado ao caso das rachadinhas, e não haja nenhuma comprovação de ilícito na aquisição do imóvel, o aumento de patrimônio da família que está no poder sempre gera desconfiança, ainda mais com prestações mensais tão altas, caso do novo negócio imobiliário do parlamentar.

Fato é que os Bolsonaros tanto atentaram contra os órgãos de estado, como a Polícia Federal e o Ministério Público, e até contra a Lava Jato (a operação tem sua própria crise de imagem), que seu governo passou a ser visto com mais desconfiança. Nada como o tempo. É a ficha caindo no eleitor de que o candidato não é o presidente, e presidente não é o candidato. E de que um governo pode ser bem diferente do que se esperava dele.

Continua após a publicidade

Ultimas notícias

Flávio Bolsonaro representa contra Kajuru no Conselho de Ética do Senado

O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) protocolou nesta segunda-feira, 12, uma representação contra o também senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) no Conselho de Ética da Casa....

Nunes Marques é sorteado relator de impeachment de Alexandre de Moraes

O ministro Nunes Marques, do STF (Supremo Tribunal Federal), foi sorteado nesta segunda-feira, 12, relator da ação protocolada pelo senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO), que...

Atirador deixa ao menos um morto em escola nos EUA

Uma pessoa morreu e outra, um policial, ficou ferida após a ação de um atirador em uma escola em Knoxville, no estado americano do...

Bolsonarismo, conservadorismo e liberalismo (Por Denis Lerrer Rosenfield)

Jair Bolsonaro, em sua eleição, conseguiu encarnar a força do antilulopetismo, congregando em torno de si três correntes de ideias que, naquele então, apareceram...

Conversinha impublicável

A conversa telefônica entre o presidente Bolsonaro e o senador Jorge Kajuru é espantosa por muitos motivos. Primeiro, claro, pelo teor. O que se ouve...