Chega de frescura e de mimimi contra o Supremo

Vire e mexe, dia sim e outro também, o presidente Jair Bolsonaro volta a repetir o lenga-lenga de que o Supremo Tribunal Federal o impediu de adotar medidas para combater a pandemia do coronavírus, transferindo tal poder para governadores e prefeitos.

Da vez mais recente, Bolsonaro disse: “Eu tenho um plano”. Não revelou qual. Esclareceu que só não pode implantá-lo porque o Supremo não o deixa. Sob anonimato, um dos 11 ministros do Supremo respondeu em tom de deboche:

– Os brasileiros são seres azarados. Os mortos pela Covid logo somarão 300 mil. Perdem a vida antes de conhecer os talentos ocultos do chefe da nação. Morrem sem saber que é um gênio o presidente do Brasil.

Em seguida, citou trecho de uma nota a respeito divulgada pelo tribunal em 18 de janeiro último:

“Na verdade, o plenário decidiu, no início da pandemia, em 2020, que União, estados, Distrito Federal e municípios têm competência concorrente na área da saúde pública para realizar ações de mitigação dos impactos do novo coronavírus. Esse entendimento foi reafirmado pelos ministros do STF em diversas ocasiões. Ou seja, conforme as decisões [tomadas pelo STF], é responsabilidade de todos os entes da federação adotarem medidas em benefício da população brasileira no que se refere à pandemia.” 

Continua após a publicidade

Ultimas notícias

TCU pede que Lewandowski reveja decisão que beneficiou Joesley e JBS

O Tribunal de Contas da União (TCU) pediu ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski que reconsidere duas decisões tomadas por ele...

Centrão ou Guedes: meta de Bolsonaro é não escolher entre um dos lados

Acossado pela pandemia de Covid-19, a crise econômica e a queda de popularidade, o presidente Jair Bolsonaro terá de arbitrar uma disputa entre dois...

A recidiva

Editorial de O Estado de S. Paulo (17/4/2021) O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, por 8 votos a 3, anular as condenações impostas ao ex-presidente...

Secretaria de Saúde de São Paulo acusa parlamentares de invadirem hospital

A Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo afirmou, em publicação nas redes sociais, que o deputado federal Kim Kataguiri (DEM-SP) e os deputados...

Não basta a China (por Cristovam Buarque)

No excelente livro “Brasil, construtor de ruínas: Um olhar sobre o país, de Lula a Bolsonaro” a jornalista escritora Eliane Blum escreveu que: “Como...