Ciro tenta se descolar de Bolsonaro no debate do voto impresso

Ciro Gomes saiu em defesa do voto impresso e afirmou que a associação do seu nome a Bolsonaro, que também apoia a modalidade, foi obra do “gabinete do ódio do PT”.

A declaração foi feita durante live do canal Porta dos Fundos na plataforma de streaming Twitch, na noite desta terça.

“O que defendemos é uma urna de quarta geração, ou seja, a urna eletrônica com uma urna acoplada, na qual vai aparecer um papel para o eleitor confirmar o voto dele computado. E o papel é picotado na hora, ninguém leva para casa”, afirmou Ciro.

Na última semana, o presidente do PDT de Ciro, Carlos Lupi, divulgou um vídeo nas redes sociais defendendo a medida, o que causou polêmica entre eleitores dos campos mais progressistas.

Apesar da tentativa de se descolar de Bolsonaro, a modalidade descrita por Ciro é a mesma defendida por aliados do presidente e que atualmente tramita na Câmara.

Uma comissão especial analisa uma PEC da também bolsonarista Bia Kicis para incluir o voto impresso na Constituição.

O TSE, no entanto, afirma que as urnas eletrônicas existentes possuem recursos que garantem a auditagem e o sigilo do voto, e já adiantou que, em 2022, o pleito não contará com cédulas impressas, o que custaria mais de 2 bilhões de reais aos cofres públicos.

Ultimas notícias

O alto custo do “socialismo de direita” na Eletrobras

 No original de fevereiro existiam 3.977 palavras. No texto aprovado ontem estão 4.659 palavras.  Com 682 palavras a mais, a Câmara e o Senado conseguiram...

Frase do dia

“Quando você vê um prato da classe média europeia, que já enfrentou duas guerras mundiais, são pratos relativamente pequenos. E os nossos aqui nós...

Voto impresso é “jaguatirica com cobra d’água”

“A mistura, a compatibilização do sistema de urna eletrônica que temos com o sistema de impressão de voto, poderia ser uma cruza de jaguatirica...

Grupo de senadores planeja esvaziar depoimentos de médicos pró-cloroquina

Os senadores da CPI da Pandemia que se posicionam contra o presidente Jair Bolsonaro, integrantes do grupo conhecido como G7, se articulam há alguns...

O conselheiro: por que Bolsonaro dá trânsito livre a Malafaia no Planalto

Em meio a uma rodada de insultos durante a CPI da Covid-19 no Senado, veio à baila o nome do pastor carioca Silas Malafaia,...