Copa na pandemia, sem vacina

“Não há país que assista passivo às quase 500 mil mortes, quase 15 milhões de desempregados, 19 milhões com fome e 800 mil micro e pequenas empresas fechadas”

(Marcelo Ramos, deputado federal pelo PL do Amazonas, autor do bordão “Vacina no braço e comida no prato” usado nas manifestações do fim de semana em 24 Estados em protesto contra o governo Jair Bolsonaro, aos repórteres Alberto Bombig e Marianna Holanda, do Estadão)

*

“Quero agradecer ao presidente Jair Bolsonaro pela eficiência na tomada de decisões”

(Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol, sobre a rapidez na ação governamental para realizar jogos da Copa América em Brasília, Cuiabá, Goiânia e Rio, no meio da pandemia)  

Ultimas notícias

Osmar Terra deve prestar depoimento na CPI da Covid nesta terça-feira

O ex-ministro da Cidadania e deputado Osmar Terra (MDB-RS) presta depoimento nesta terça-feira, 22, na CPI da Covid-19. Ele é apontado como um dos...

Barroso mostra auditoria de urnas a deputados da comissão do voto impresso

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, se reuniu nesta segunda-feira, 21, com deputados federais para apresentar o funcionamento do...

Mais candidato do que nunca, Lula avisa que rodará o país

Em live em comemoração aos 80 anos do vereador de São Paulo Eduardo Suplicy (PT), Lula mostrou que é mais candidato do que nunca...

Após novo ataque de Bolsonaro, Pacheco sai em defesa da imprensa

Depois de mais um rompante autoritário de Bolsonaro contra a imprensa, o presidente do Congresso, Rodrigo Pacheco (DEM-RO), veio à público apresentar um contraponto...

Bolsonaro terá que explicar declarações sobre fraudes a urnas ao TSE

O corregedor do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Luís Felipe Salomão, determinou nesta segunda prazo de 15 dias para que Bolsonaro e outras autoridades que...