CPI quer apurar aglomerações provocadas por Bolsonaro em passeios no DF

Os passeios do presidente Jair Bolsonaro pelo comércio de Brasília e entorno do Distrito Federal em plena pandemia da Covid-19, que provocaram aglomerações e contrariaram recomendações sanitárias, entraram na mira da CPI instalada nesta terça-feira no Senado.

Um requerimento protocolado pelo senador Eduardo Girão (Podemos-CE), que é um dos membros titulares da minoria governista na comissão, pede à Presidência que envie uma planilha contendo os registros (data, local, autoridades envolvidas, etc) relativos aos deslocamentos de Bolsonaro desde o dia 1º de março do ano passado, quando o coronavírus já estava no país.

Na justificativa para o requerimento, Girão diz que a CPI tem como um de seus objetos apurar as ações e omissões do governo federal no enfrentamento da pandemia da Covid-19 no Brasil. E lembra que a Constituição Federal “não admite retrocessos injustificados no direito social à saúde e que, especialmente em tempos de emergência sanitária, as condutas dos agentes públicos contraditórias às evidências científicas de preservação da vida não devem ser classificadas como atos administrativos legítimos, sequer aceitáveis”.

As informações requisitadas, de acordo com o senador, “permitirão a elucidação de diversos aspectos relacionados ao objeto de investigação da presente Comissão”.

Continua após a publicidade

Artigo anteriorA volta de Renan
Próximo artigoA CPI do óbvio

Ultimas notícias

Renan sobre Pazuello: “Interrogatório bom busca acusações sobre terceiros”

Investigado por suposta omissão no enfrentamento da pandemia no Amazonas e com uma gestão marcada por polêmicas, o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello é...

O futuro de Flávio e da rachadinha nas mãos de Gilmar Mendes

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), pretende apresentar ainda neste semestre seu voto no caso que decidirá qual instância da Justiça...

Frase do dia

“Essa amplíssima prerrogativa de que dispõem às Casas Legislativas, em que pese a sua indiscutível relevância como instrumento de fiscalização e controle da administração...

Bombardeio israelense derruba prédio que abrigava agências de notícias

As agências de notícias Al Jazeera e Associated Press reportarem que um bombardeio israelense derrubou neste sábado, 15, o prédio que abrigava seus escritórios...

Em plena pandemia, o governo não conseguiu prever… a pandemia

O Ministério da Economia encerrou a semana com a produção de um clássico sobre a capacidade do governo de prever e administrar uma crise. Em...