Doutor Jairinho é afastado do Conselho de Ética da Câmara do Rio

O Conselho de Ética da Câmara Municipal do Rio de Janeiro decidiu afastar o vereador Doutor Jairinho, ex-Solidariedade — mas apenas do Conselho de Ética, e não de suas funções como vereador.

Jairinho, como se sabe, foi preso nesta quinta-feira sob a suspeita de envolvimento na morte do menino Henry Borel, de 4 anos.

O procurador-geral da Câmara, José Minc, explicou que não há fundamento jurídico para afastá-lo do mandato.

 

Continua após a publicidade

Ultimas notícias

Atirador deixa ao menos um morto em escola nos EUA

Uma pessoa morreu e outra, um policial, ficou ferida após a ação de um atirador em uma escola em Knoxville, no estado americano do...

Bolsonarismo, conservadorismo e liberalismo (Por Denis Lerrer Rosenfield)

Jair Bolsonaro, em sua eleição, conseguiu encarnar a força do antilulopetismo, congregando em torno de si três correntes de ideias que, naquele então, apareceram...

Conversinha impublicável

A conversa telefônica entre o presidente Bolsonaro e o senador Jorge Kajuru é espantosa por muitos motivos. Primeiro, claro, pelo teor. O que se ouve...

Transe populista

Editorial de O Estado de S. Paulo (12/4/2021) Há anos o Brasil está entregue ao populismo. Desde pelo menos o final do primeiro mandato do...

Randolfe rebate ameaça de Bolsonaro: ‘covarde que tem muito a esconder’

O senador Randolfe Rodrigues, líder da oposição ao governo Bolsonaro no Senado, rebateu há pouco a ameaça que o presidente fez a ele durante...