Fux suspende prova de concurso da PM com 67 mil inscritos no Pará

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, optou por suspender a aplicação da prova de concurso público da Polícia Militar do Pará, que aconteceria neste domingo, 14. Cerca de 67 mil pessoas se inscreveram para o teste, cujo cancelamento se deu pelo agravamento da pandemia no estado.

O Ministério Público do Pará pediu concessão de medida cautelar por causa da implementação recente da fase vermelha na região, que ocorreu no último dia 10. Nas palavras de Fux, realizar o exame representaria “grave risco de lesão à saúde pública”.

O concurso havia sido suspenso em decisão de primeira instância, mas voltou aos planos do governo no dia 12, quando o Tribunal de Justiça do Estado do Pará decidiu a favor da aplicação. Imediatamente, o MP do estado recorreu ao Supremo para pedir o impedimento da realização do exame, mesmo com a implementação de medidas sanitárias nos locais de prova.

O mês de março tem sido o pior período da pandemia pelo Brasil, ultrapassando as 2.000 mil mortes diárias.

Continua após a publicidade

Ultimas notícias

Flávio Bolsonaro representa contra Kajuru no Conselho de Ética do Senado

O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) protocolou nesta segunda-feira, 12, uma representação contra o também senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) no Conselho de Ética da Casa....

Nunes Marques é sorteado relator de impeachment de Alexandre de Moraes

O ministro Nunes Marques, do STF (Supremo Tribunal Federal), foi sorteado nesta segunda-feira, 12, relator da ação protocolada pelo senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO), que...

Atirador deixa ao menos um morto em escola nos EUA

Uma pessoa morreu e outra, um policial, ficou ferida após a ação de um atirador em uma escola em Knoxville, no estado americano do...

Bolsonarismo, conservadorismo e liberalismo (Por Denis Lerrer Rosenfield)

Jair Bolsonaro, em sua eleição, conseguiu encarnar a força do antilulopetismo, congregando em torno de si três correntes de ideias que, naquele então, apareceram...

Conversinha impublicável

A conversa telefônica entre o presidente Bolsonaro e o senador Jorge Kajuru é espantosa por muitos motivos. Primeiro, claro, pelo teor. O que se ouve...