O valor de um verso: US$ 2,1 bilhões

Linguagem em estado de pureza selvagem, foi como o escritor mexicano Octavio Paz definiu poesia. Poetas escrevem, leitores imaginam e ambos atribuem valores diferentes a um mesmo verso.

O bilionário Wang Xing acaba de conhecer um novo significado para o valor de um verso: US$ 2,1 bilhões, o equivalente a R$ 11,3 bilhões.

Ele perdeu essa dinheirama em uma semana de queda (14%) das ações da sua Meituan-Dianping, uma das grandes empresas de tecnologia da China.

Wang publicou na sua rede social, Fanfou, um verso de mais de um milênio, atribuído ao poeta Zhang Ji e escrito num período em que o governo Zheng, queimava livros e sepultava intelectuais das Cem Escolas de Pensamento.

“Antes que as cinzas [da fogueira de livros] esfriem, revoltas surgirão ao leste das montanhas” — diz o verso, em crítica ao imperador da época.

Se passou um milênio e na leitura atualizada da burocracia de Pequim a publicação do verso foi interpretada como crítica velada de Wang ao governo Xi Jinping, que tenta enquadrar as empresas de tecnologia no manual de prioridades políticas.

Xi conhece o significado da palavra “censura”. Quando era vice-presidente chegou a ter seu nome suprimido da internet.

O valor do verso milenar tende a aumentar: a empresa de Wang está sob investigação e já recebeu multa de US$ 800 milhões (R$ 4,3 bilhões).

O capitalismo selvagem de Hong Kong foi absorvido pelo comunismo domesticado da China, ironizava o escritor Millôr Fernandes. A poesia, ainda não.

Artigo anteriorFrase do dia
Próximo artigoO significado das manifestações

Ultimas notícias

O conselheiro: por que Bolsonaro dá trânsito livre a Malafaia no Planalto

Em meio a uma rodada de insultos durante a CPI da Covid-19 no Senado, veio à baila o nome do pastor carioca Silas Malafaia,...

Datas: Carlos Langoni, Raul de Souza e Marco Maciel

A modernização do Banco Central brasileiro deve muito ao economista Carlos Langoni. Em 1979, então diretor da instituição, ele ajudou a elaborar a Selic,...

Uma ponta não fecha

Quem se debruça agora sobre a condução que Jair Bolsonaro vem dando aos desafios da pandemia conclui que o próprio presidente melhorou as condições...

Partidos de centro tentam recuperar eleitores que migraram para Bolsonaro

Desde a redemocratização do país, as eleições presidenciais foram sempre polarizadas entre candidatos de centro (PSDB) ou centro-direita (Fernando Collor) e algum adversário do...

Refugiados Venezuelanos já são 4,6 milhões na América Latina

O drama dos refugiados venezuelanos só aumenta. Em 2020, eram 4,6 milhões de cidadãos venezuelanos refugiados na América Latina. No ano em que a...