PT acionará TCU e Casa Civil por gastos de Bolsonaro em ato com motos

O PT irá pedir ao TCU (Tribunal de Contas da União) e à Casa Civil um levantamento dos recursos públicos usados pelo presidente Jair Bolsonaro para realizar uma manifestação com motocicletas no Rio de Janeiro no último domingo, 23. A partir dos dados, o partido pretende tomar providências legais contra Bolsonaro. Segundo o PT, dinheiro público foi gasto para um ato político com tom de comício eleitoral em defesa de seu governo.

A bancada do partido na Câmara quer saber de forma detalhada todos os gastos da viagem, como o custo para a locomoção de Bolsonaro e seus assessores em avião presidencial e helicóptero; o total de diárias; quantidade de pessoas envolvidas na operação, incluindo os policiais militares designados para fazer a segurança do presidente e outras despesas necessárias para possibilitar a ida de Bolsonaro ao Rio de Janeiro.

A informação foi divulgada pelo líder da bancada petista na Câmara, Elvino Bohn Gass (PT-RS).  “Enquanto o Brasil já conta com quase meio milhão de mortes por Covid-19, em razão de uma política irresponsável e genocida de Bolsonaro, que desprezou a vacinação da população, o ex-capitão vai ao Rio para festejar o quê com o dinheiro do contribuinte?”, questionou. “O direito à manifestação é garantido pela Constituição, mas não o uso de dinheiro público para fazer ato político em tom de comício, muito menos fora de época de campanha eleitoral”, acrescentou.

Bohn Gass também criticou o fato de o presidente não estar usando máscaras “numa atitude irresponsável que mostra seu desprezo à vida e desrespeito a todas as regras de prevenção à Covid-19”.

Continua após a publicidade

Ultimas notícias

Deputado que alertou Bolsonaro sobre Covaxin terá proteção da CPI

Após as entrevistas do deputado federal Luis Miranda (DEM-DF) sobre o alerta que ele e seu irmão fizeram ao presidente Jair Bolsonaro sobre suspeitas...

Com avanço da vacinação, países voltam a se abrir a brasileiros

Com o avanço da vacinação, brasileiros agora têm mais opções de destinos internacionais. Ao todo, 43 destinos possuem restrições leves à entrada de turistas...

Siga o dinheiro

Bolsonaro sabia. Aliado do governo, o deputado Luis Miranda (DEM-DF) afirmou ter levado a denúncia sobre um esquema de corrupção envolvendo a compra da...

Projeto sobre exploração de terras indígenas não vai ajudar o Brasil

A Câmara dos Deputados está prestes a votar um projeto de lei que representa um verdadeiro retrocesso para o país. O PL 490/2007, que...

Voto impresso vira batalha em enquete do Senado; não vence a disputa

Uma enquete de 2018 na página do Senado sobre a adoção ou não do voto impresso nas urnas eletrônicas brasileiras figura como a mais...