Silveira aprende com Fabio Trad sobre família e ditadura

Na sessão do dia 19, Daniel Silveira pediu aos deputados que pensassem em sua família, que está sofrendo. (Se juízes levassem em conta as famílias dos réus, ninguém nunca mais seria condenado, mas, enfim.)

O deputado Fabio Trad pontuou que o deputado criminoso não pensou na família de Marielle quando quebrou a placa; não pensou na família do cidadão Edson Fachin quando o xingou e o ameaçou; não pensou na família do jornalista que agrediu.

Trad sabe algo sobre sofrimento de família: a ditadura que Silveira quer ver de volta ao poder prendeu arbitrariamente seu pai.

Silveira pediu aos deputados que fizessem o que ele mesmo não fez. Afinal, mesmo que não fosse preso, seu crime traria por consequência o sofrimento de sua família.

Continua após a publicidade

Ultimas notícias

Desembargador do TRF1 revoga prisão domiciliar de Eduardo Cunha

O desembargador Ney Bello, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), sediado em Brasília, revogou nesta quinta-feira, 6, a prisão domiciliar do ex-presidente...

Visita de Onyx a Pazuello é considerada um erro no Planalto

A notícia de que o general Eduardo Pazuello recebeu o ministro Onyx Lorenzoni nesta quinta-feira — revelada pelo Estadão dois dias depois de o...

Lewandoski rejeita suspender julgamento do governador de SC

O ministro Ricardo Lewandowski, do STF, rejeitou nesta quinta-feira o pedido de um deputado estadual de Santa Catarina para suspender o julgamento do impeachment...

Queiroga pisa em ovos

Do depoimento do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, na CPI da Pandemia, emergiu a evidência de que ele não tem autonomia para tomar decisões...

Assessor de Bolsonaro critica STF e diz estar pronto para ‘guerra’

Praticamente inseparável de Jair Bolsonaro, o assessor especial do presidente Max Guilherme Machado de Moura fez nesta quinta-feira um ataque direto aos ministros do...