Supremo derruba a decisão-pesadelo

O Supremo, felizmente, e conforme esperado, derrubou a monocrática e alucinada decisão do ministro Kassio Marques de liberar igrejas e templos.

A anulação da decisão, entretanto, não anula o estrago causado pelo ministro. Com uma só canetada, Kassio conseguiu:

  • Pôr o Supremo em conflito consigo mesmo e desmoralizar ainda mais o tribunal.
  • Promover uma crise entre o Executivo e o Judiciário, já que administradores responsáveis, como o prefeito de Belo Horizonte, se sentiram na obrigação de não acatar a decisão, e desafiaram o ministro.
  • E, claro, provocar a infecção de milhares de pessoas, muitas das quais morrerão e/ou infectarão outras pessoas.

Para o chefe de Kassio, Jair Bolsonaro, cujo objetivo é o desmantelamento das instituições democráticas, a maximização de mortes e o caos generalizado, foi uma decisão irretocável.

Para o Brasil, foi um pesadelo.

Continua após a publicidade

Ultimas notícias

Bolsonaro questiona Queiroga: ‘Tem doenças que não matam mais ninguém’

O presidente Jair Bolsonaro disse, em conversa com apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada nesta sexta-feira, 16, que pediu ao ministro da Saúde,...

Entre Lira e Guedes, Bolsonaro escolhe Lira, diz ministro

O prognóstico de um ministro próximo ao presidente Jair Bolsonaro dá a dimensão do potencial de estrago da crise da sanção do Orçamento de...

“Se eu entregar a cabeça do PG, a próxima que vão pedir vai ser a minha”

O presidente Jair Bolsonaro tem ouvido repetidas queixas dos líderes do Congresso sobre o comportamento do ministro da Economia, Paulo Guedes. Desde que, no...

Entidade de delegados ataca interferência política e pede PF ‘republicana’

A Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF) divulgou nota nesta sexta-feira, 16, na qual critica a pressão política sobre a PF, defende...

O vírus da ingovernabilidade no Brasil (por Antônio Carlos de Medeiros)

Uma fonte que acompanha os bastidores do Senado Federal me disse que a situação em Brasília está de vaca não reconhecer bezerro. Um panorama...