Tem caroço no angu da compra de carabinas pelo governo

O presidente Jair Bolsonaro está rouco de repetir que seu governo não registrou até agora um único caso de corrupção. E se isso acontecer um dia, ele saberá agir com rigor punindo os culpados.

É bom que preste atenção no caso suspeito detectado pelo Tribunal de Contas da União que suspendeu um leilão internacional da Secretaria Nacional de Segurança Pública para a compra de armas.

O leilão aconteceu no dia 23 de outubro do ano passado. Foi para a compra de carabinas, armas com potencial menor do que o fuzil, destinadas a polícias de 22 estados e do Distrito Federal.

Nesse dia, quatro empresas foram desclassificadas. Restou apenas uma: a Rock River Arms. Foi a que apresentou o preço mais alto: R$ 80 milhões acima da que apresentou o preço mais baixo.

Pois foi a que ganhou o leilão, apesar de sua carabina, em testes, ter apresentado 16 panes, 5 deles considerados graves, como a soltura da mola da alavanca – o mecanismo que engatilha a arma.

A carabina da Rock River também foi reprovada nos itens precisão e resistência: a coronha quebrou quando a arma caiu no chão. Era uma porcaria. Custo final da compra: quase R$ 700 milhões.

O relator do processo no tribunal, ministro Benjamin Zymler, considerou frágeis ou improcedentes as explicações dadas pela Secretaria, e por isso suspendeu o leilão.

Continua após a publicidade

Ultimas notícias

Renan sobre Pazuello: “Interrogatório bom busca acusações sobre terceiros”

Investigado por suposta omissão no enfrentamento da pandemia no Amazonas e com uma gestão marcada por polêmicas, o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello é...

O futuro de Flávio e da rachadinha nas mãos de Gilmar Mendes

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), pretende apresentar ainda neste semestre seu voto no caso que decidirá qual instância da Justiça...

Frase do dia

“Essa amplíssima prerrogativa de que dispõem às Casas Legislativas, em que pese a sua indiscutível relevância como instrumento de fiscalização e controle da administração...

Bombardeio israelense derruba prédio que abrigava agências de notícias

As agências de notícias Al Jazeera e Associated Press reportarem que um bombardeio israelense derrubou neste sábado, 15, o prédio que abrigava seus escritórios...

Em plena pandemia, o governo não conseguiu prever… a pandemia

O Ministério da Economia encerrou a semana com a produção de um clássico sobre a capacidade do governo de prever e administrar uma crise. Em...