Um povo que vota no Lula merece sofrer, diz Bolsonaro a apoiadores

O presidente Jair Bolsonaro disse a apoiadores na manhã desta segunda-feira, 19, durante conversa em frente ao Palácio da Alvorada, que “um povo que, porventura, vote num cara desse é um povo que merece sofrer”, referindo-se ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva — o petista recuperou os seus direitos políticos após o Supremo Tribunal Federal confirmar na semana passada a anulação de quatro processos da Operação Lava-Jato e, provavelmente, tentará voltar ao Palácio do Planalto na eleição de 2022.

Bolsonaro lembrou que o próximo presidente poderá escolher dois novos ministros do STF, o que pode deixar o perfil da Corte mais progressista do que ele gostaria. “Quem se eleger (em 2022) indica dois para o Supremo no primeiro trimestre de 2023. Se for um cara (ministro) da minha linha, vão ter quatro lá, né?”. afirmou, fazendo referência ao fato de que indicará dois magistrados para a Corte — o primeiro foi Nunes Marques, e o segundo terá de ser indicado até julho, quando se aposenta o ministro Marco Aurélio Mello. No total, o Supremo tem onze componentes.

Segundo o presidente, os eleitores às vezes fazem escolhas equivocadas. “Houve algumas prefeituras que no ano passado deitaram e rolaram no lockdown e (os eleitores) reelegeram o cara (prefeito), vocês querem o quê? Olhem Belo Horizonte”, disse. O prefeito reeleito na capital mineira, Alexandre Kalil (PSD), adotou desde o início da pandemia medidas mais duras de distanciamento social para conter a transmissão da Covid-19.

Bolsonaro comentou que o Aliança pelo Brasil, partido pelo qual pretendia se candidatar em 2022, não poderá ser criado a tempo e disse que espera definir ainda neste mês a qual legenda irá se filiar para disputar a próxima eleição.

Continua após a publicidade

Ultimas notícias

O que a CPI da Covid quer de Ludhmila Hajjar

Uma nova participação na CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid deve reforçar a tese de que o governo escolhe os ministros da Saúde...

Com Lula na disputa, Ciro fica em empate técnico com Huck, Doria e Amoêdo

A entrada do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na corrida presidencial de 2022, permitida pelo Supremo Tribunal Federal ao anular suas condenações na...

Bolsonaro em Porto Velho: ‘Meu Exército, minha Marinha, minha Aeronáutica’

O presidente Jair Bolsonaro voltou a atacar o isolamento social contra o novo coronavírus adotado por estados e municípios e a ameaçar tomar medidas...

Pesquisa: como ficaria a disputa presidencial de 2022 sem Moro no páreo

Decidido a não disputar a eleição presidencial de 2022, como informou a coluna Radar na edição de VEJA desta semana o ex-juiz e ex-ministro da...

Cláudio Castro mantém silêncio sobre operação de polícia no Rio

Passadas mais de 24 horas da operação da Polícia Civil do Rio de Janeiro, na favela do Jacarezinho, na Zona Norte da capital, que...