Para 46%, corrupção vai aumentar nos próximos seis meses, diz XP-Ipespe

Pesquisa da XP-Ipespe divulgada nesta terça-feira mostrou que a percepção de quase metade da população é a de que a corrupção vai aumentar nos próximos seis meses. Do total de entrevistados pelo levantamento, 46% disseram ter essa sensação em agosto deste ano. 

É o maior percentual desde o início da série histórica da pesquisa, iniciada em novembro de 2018, quando a fatia das pessoas que achava que a corrupção iria aumentar era de apenas 17%. 

Cabe lembrar que naquele momento Jair Bolsonaro havia acabado de ser eleito no segundo turno com um discurso fortemente marcado pelo combate à corrupção. 

Quase dois anos e oito meses depois, mais que duplicou o contingente de pessoas que acha que esse tipo de crime, profundamente ligado à gestão pública, vai aumentar no futuro breve. 

Também em novembro de 2018, o percentual de pessoas que achava que a corrupção iria diminuir nos próximos seis meses era majoritário na pesquisa, com 56% dos entrevistados com essa impressão.

Novamente o cenário refletia uma expectativa entre parte da população de que com a eleição de Bolsonaro, que teve ao seu lado o ex-juiz Sergio Moro como ministro da Justiça à época, a corrupção seria combatida. Este contingente de pessoas, que acreditava que a corrupção iria diminuir, caiu, em agosto deste ano, para 17%. 

A demissão de Moro em abril do ano passado e o virtual fim da Lava Jato, os casos de suspeita de corrupção de compra de vacinas contra a Covid-19 pelo Ministério da Saúde e a mansão adquirida pelo senador Flávio Bolsonaro em Brasília no valor de 6 milhões de reais podem ter deteriorado a esperança dessa parcela da população de que a corrupção poderia reduzir no atual governo.

Ultimas notícias

Senador Romário é submetido a cirurgia em hospital do Rio

O ex-jogador de futebol senador Romário (PL-RJ) foi submetido, nesta quinta-feira, 9, a uma cirurgia, no Rio de Janeiro. A informação foi confirmada em...

STF suspende novamente julgamento sobre terras indígenas

O Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu novamente o julgamento que analisa a validade da tese sobre o marco temporal para demarcações de terras indígenas....

Câmara aprova novo Código Eleitoral, mas exclui quarentena a juízes

O texto-base do novo código eleitoral em tramitação na Câmara dos Deputados foi aprovado nesta quinta-feira, 9, pelo plenário da Casa por ampla maioria,...

Restos mortais de vítimas do 11 de setembro são identificados após 20 anos

Por 20 anos, o consultório médico legista da cidade de Nova York conduziu discretamente a maior investigação de pessoas desaparecidas já realizada no país —...

Ter mais tempo livre não aumenta necessariamente o bem-estar

Ter muito tempo livre não é sinônimo de bem-estar. É o que dizem pesquisadores da Universidade da Pensilvânia em estudo publicado no Journal of...